Notícias

Estação Ferroviária de Rincão passa por reforma e pintura

Aos 122 anos, o prédio da Estação Ferroviária de Rincão passa pela segunda reforma e pintura, a primeira foi em 2004, na gestão anterior do atual prefeito, Dudu Bolito (PT).

O ato oficial de inauguração da reforma pintura e iluminação da Praça dos Ferroviários e Teatro de Arena e do descerramento da placa inaugural da construção da galeria de águas pluviais, contou com a presença do prefeito, Dudu Bolito, do vice-prefeito Paulinho Catelani, do presidente da Câmara Municipal Edinho Bolito e dos vereadores. A vereadora de Rincão, Rosalva Loretto Facchini, representou o deputado estadual Roberto Massafera.

Em sua fala, Dudu Bolito ressaltou a importância histórica do prédio da Estação, hoje Paço Municipal, e agradeceu a todos que participaram direta ou indiretamente do processo para que o local não perdesse as características originais. “Nossa maior preocupação foi em manter os traços da história vivos e cada ponto deste local. Pesquisamos e encontramos esses postes de iluminação que são iguais aos usados em antigas Estações Ferroviárias. Nós queremos também que este seja mais um local de encontro, mais uma opção de lazer para a população”, afirmou Dudu Bolito.

Já o presidente da Câmara, Edinho Bolito, também fez referência à importância histórica da Estação Ferroviária e salientou que toda a obra foi realizada com recurso próprio do Município e parabenizou a atual Administração por mais esse ato de grande ‘eficiência’.

Descerramento da placa de inauguração da construção de galeria de águas pluviais

Na mesma solenidade, o prefeito de Rincão, Dudu Bolito, aproveitou para descerrar a placa de inauguração da construção da galeria de águas pluviais do centro da cidade. O prefeito relembrou a importância de tal obra, que acabou com o problema de enchentes na região central da cidade e agradeceu a intervenção do deputado estadual Roberto Massafera junto à Defesa Civil, do Estado para liberação do recurso, que possibilitou a conclusão da obra. Mas, disse também, que pretende buscar recursos para dar continuidade a obra da galeria até o rio da Paciência e assim acabar de vez com qualquer possibilidade de enchente na região central da cidade.

O vereador Airson Botan pediu a palavra ao prefeito, durante a solenidade, para dar seu depoimento sobre o problema das enchentes na região central. Contou, que a sua casa sempre era invadida pelas águas de fortes chuvas. Segundo ele, a água chegava até a cintura e depois que conseguiam retirar a água vinha à lama. Que durante a madrugada quando ouviam o barulho de chuva mais forte era uma correria só para evitar o pior. Mas com a galeria ele agora, dorme em paz e aliviado.